• sabrinacorrea1

O que é uma Gestão Sustentável?

Atualizado: 26 de Nov de 2020

Para mim, gestão é uma das habilidades mais incríveis do ser humano. A humanidade é gestora faz muito tempo, bem antes mesmo do termo existir, pois foram com técnicas rudimentares de gestão que permitiram que líderes construíssem impérios e monumentos há milhares de anos atrás.


A ciência da gestão evoluiu junto com os avanços da revolução industrial e permitiu o crescimento econômico exponencial. Hoje, fazer uma boa gestão é condição mínima de sobrevivência pela necessidade de eficiência e produtividade cada vez maiores, para fazer face à intensa concorrência e com­petição no mercado.


O que é gestão?

Mesmo que seja uma palavra comum no meio profissional, nem todos imaginam que estejam utilizando da gestão em suas atividades rotineiras por acharem que se refere apenas aos administradores.


Basicamente, gestão é o ato de gerir recursos disponíveis para atingir objetivos.


Logo, basta saber quais são os objetivos e os recursos necessários para atingi-los e, definir como serão utilizados estes recursos, que pode ser: tempo, pessoas, água, energia, financeiro, etc.


Nós estamos acostumados a relacionar gestão com o ambiente corporativo e grandes empresas, o que é um equívoco. A gestão deve estar inserida no nosso cotidiano, incluindo nossos objetivos pessoais e na nossa própria casa.


Outro equívoco que temos em relação a gestão é relacioná-la apenas com o recurso financeiro. De fato é um recurso importantíssimo dentro do modelo econômico que estamos inseridos, mas conferir-lhe o papel sine qua non do desenvolvimento, tem gerado uma falsa percepção de como atingir a sustentabilidade.


ADENDO: Voltemos ao propósito da criação do dinheiro, uma ferramenta para trocar mercadorias.

Antigamente, o homem comercializava através de trocas. A mercadoria era avaliada na quantidade de tempo ou força de trabalho gasta para produzi-la ou até mesmo pela necessidade que o "comprador" tinha por determinada mercadoria. Com a criação da moeda, o valor da mercadoria se tornou independente da força de trabalho, e após o surgimento dos bancos, o dinheiro se tornou a própria mercadoria.

Uma questão que não está contabilizado na economia e no valor da mercadoria são as externalidades, que são os efeitos colaterais de uma decisão sobre aqueles que não participaram dela. Um exemplo de externalidades, são os impactos ambientais negativos, que por sua vez refletem diretamente nos próprios recursos naturais, que são utilizados como recursos necessários para geração de valor e atingir determinados objetivos.


Bom, retomando o propósito do post, gestão é uma método para administrar recursos valiosos a favor de atingir propósitos e objetivos em um determinado espaço e tempo. Recurso financeiro é um meio de se obter outros recursos valiosos por meio de troca.


E a gestão é extremamente necessária para qualquer objetivo.

Vamos a um exemplo simples e prático:


Joana, na reflexão do seu aniversário de 28 anos, determinou o objetivo de perder uns quilinhos de peso corporal e decidiu fazer uma dieta.

Quais recursos ela vai precisar para atingir o seu objetivo? Não existe uma resposta certa, mas Joana decidiu seguir o método de défit calórico, fazendo uma reeducação alimentar e praticando atividade física.

Novamente: quais recursos ela vai precisar para atingir o objetivo?

No mínimo ela vai precisar dos seguintes recursos: tempo, para praticar uma atividade física e alimentos mais saudáveis que possuem menos calorias e mais nutrientes.

Joana então se planeja para preparar suas próprias refeições em quantidades determinadas, separa um tempo a mais para isso e para fazer atividade física. Ela precisa dinheiro? Provavelmente sim, pelo menos para comprar seus alimentos. O dinheiro neste caso, foi a moeda de troca para adquirir os alimentos, mas não é o recurso essencial para atingir seu propósito.


Este mesmo exemplo, pode se aplicar a praticamente todos os processos de geração de valor. Qual é o objetivo? Qual é o propósito de fazer a gestão? Quais recursos necessários para atingir os objetivos? Por quanto tempo você pretende atingir esse objetivo? Por quanto tempo pretende manter este objetivo?

De que forma garante a sustentabilidade desse processo?

De que forma garante a permanência dos recursos que precisa pelo prazo determinado no objetivo?


A partir daí então, surge-se mais um método de gestão: Gestão Sustentável.



Capacidade para dirigir o curso de um objetivo, uma empresa, comunidade ou país, através de processos que valorizam e regeneram os recursos, natural, humano, capital e o financeiro, claro, para garantir a sustentabilidade no propósito.

E você deve estar se perguntando, mas e o tempo? Eu sei que ele é um recurso valioso e necessário atingir os objetivos, de que forma eu faço uma gestão sustentável do tempo?

Bom, por hoje já passou o tempo, então este é tema para um próximo post.

Quer saber mais sobre Gestão Sustentável? Conte com a Mutação Sustentável.

Conheça o nosso propósito no Manifesto - Reset da Sustentabilidade.


24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo